Marcelo Viana recebe medalha de Mérito Educativo

Marcelo Viana recebe medalha de Mérito Educativo

O diretor-geral do IMPA, Marcelo Viana, recebeu na tarde desta quarta-feira (7), no Palácio do Planalto, em Brasília, a medalha da Ordem Nacional do Mérito Educativo. A honraria é concedida a personalidades nacionais e estrangeiras que tenham contribuído de “maneira excepcional” para o desenvolvimento da Educação. A cerimônia teve o comando do presidente da República, Michel Temer, e a participação de ministros, governadores, parlamentares e educadores.

Após a solenidade, o diretor-geral do IMPA agradeceu ter sido admitido no grau de Comendador da Ordem Nacional do Mérito Educativo.

“É uma honra ser julgado digno de integrar este grupo de pessoas, homens e mulheres, com tantas contribuições no avanço da educação em nosso país”, disse o matemático.

Entre os 110 contemplados com a medalha da Ordem Nacional do Mérito Educativo estão os governadores Paulo Hartung (ES), Camilo Santana (CE) e Raimundo Colombo (SC); os ministros José Mendonça Filho (Educação), Hélder Barbalho (Integração Nacional) e Osmar Terra (Desenvolvimento Social e Agrário); o presidente do Tribunal de Contas da União, Raimundo Carreiro; o desenhista e escritor Mauricio de Sousa; e a empresária Viviane Senna, irmão do piloto Ayrton Senna, tricampeão mundial de Fórmula 1.

Também foram agraciados o deputado federal Alex Canziani (PTB-PR), autor do projeto de lei que instituiu o Biênio da Matemática 2017-2018, e a biomédica e professora da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) Helena Nader, que presidiu a Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) até julho de 2017.

Em breve discurso de encerramento, o presidente Michel Temer valorizou a atuação dos professores em todas as regiões brasileiras.

“Trago aqui a minha palavra de reconhecimento a quem se dedica à formação de nossos jovens”, afirmou o presidente, segundo quem os recém-admitidos na Ordem Nacional do Mérito Educativo prestam “serviços excepcionais à educação brasileira”.

A secretária-executiva do MEC, Maria Helena Guimarães de Castro, ao lado de Marcelo Viana

“Investir nos nossos jovens é investir em um futuro com mais dignidade e cidadania”, concluiu Temer, ladeado pelo presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), e pelo ministro Eliseu Padilha, da Casa Civil.

Criada em 1955 e modificada em 2003, a Ordem Nacional do Mérito Educativo é proposta pelo ministro da Educação. Fazem parte do processo de escolha o próprio ministro e seu chefe de gabinete, o titular da Secretaria-Executiva e os presidentes do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), do Fundo Nacional do Desenvolvimento da Educação (FNDE), da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) e do Conselho Nacional de Educação (CNE). As medalhas entregues possuem cinco graus: grã-cruz, grande oficial, comendador, oficial e cavaleiro.

A Ordem Nacional do Mérito Educativo é mais um reconhecimento do trabalho desenvolvido pelo diretor geral do IMPA. No passado, ele foi um dos agraciados com o Prêmio Anísio Teixeira de Educação Básica, da Capes, por ter contribuído de modo relevante para o desenvolvimento da pesquisa e formação de recursos humanos no país.

Graduado em Matemática pela Universidade do Porto (1984) e doutorado em Sistemas Dinâmicos pelo IMPA (1990), Viana foi vice-presidente da União Internacional de Matemática, presidente da Sociedade Brasileira de Matemática (SBM) e membro do Conselho Deliberativo do CNPq. É membro titular da Academia Brasileira de Ciências e detentor de muitas outras distinções acadêmicas, entre as quais o Prêmio Louis D., do Institut de France, uma das mais importantes comendas científicas do mundo, recebido em 2016.

Na cerimônia no Planalto, o presidente Temer entregou a insígnia da Ordem Nacional do Mérito em memória à professora Heley de Abreu Silva Batista, morta ao salvar crianças em incêndio criminoso na creche Gente Inocente, em Janaúba (MG), no ano passado. O viúvo Luiz Carlos Batista recebeu a condecoração, que homenageia cidadãos que tenham prestado serviços relevantes à nação brasileira.

Ao discursar, o ministro da Educação, Mendonça Filho, enalteceu a atuação dos premiados e definiu o que considera ser os objetivos da educação.

“Educar é abrir oportunidades, abrir horizontes, é fazer com que crianças e jovens tenham de fato assegurado um futuro digno, decente”, discursou ele.

Reprodução: IMPA
Link: https://impa.br/page-noticias/marcelo-viana-e-comendador-da-ordem-nacional-do-merito-educativo/