Marcelo Viana preside Conselho Científico do Serrapilheira

Marcelo Viana preside Conselho Científico do Serrapilheira

O diretor-geral do IMPA, Marcelo Viana, é o novo presidente do Conselho Científico, agora denominado Scientific Advisory Board (SAB), do Instituto Serrapilheira. Ao ocupar esta posição, ele também passa a integrar o Conselho Administrativo do instituto, dedicado ao fomento à pesquisa científica. Renovado após um mandato de três anos, o SAB conta com especialistas de diferentes áreas e vai contribuir para o planejamento estratégico de novas ações do instituto na promoção de uma ciência brasileira de excelência, transparente e diversa.

“O Instituto Serrapilheira é a melhor novidade no cenário científico brasileiro nos últimos anos, e estou honrado por poder contribuir. O objetivo do Serrapilheira de promover a ciência e a cultura científica da nossa sociedade dialoga de modo muito profícuo com a missão do IMPA”, afirma Viana.

Além de Viana, integram o conselho a matemática (Sun-Yung) Alice Chang (Universidade de Princeton), o imunologista Antonio Coutinho (Fundação Champalimaud), a imunologista Faith Osier (Hospital Universitário de Heidelberg), o ecologista Simon Levin (Universidade de Princeton), o biólogo Thomas Lovejoy (Universidade George Mason), o físico Luiz Davidovich, presidente da Academia Brasileira de Ciências (ABC); a física Marcela Carena, chefe do Departamento de Física Teórica no Fermilab; a química Vanderlan Bolzani (Unesp) e a jornalista especializada em ciência Deborah Blum.

Os pesquisadores do IMPA Vinícius Ramos e Luna Lomonaco recebem apoio do Serrapilheira. 

Instituto Serrapilheira

Lançado em 2017, o Instituto Serrapilheira é primeira instituição privada e sem fins lucrativos de fomento à ciência no Brasil. Seu objetivo é valorizar o conhecimento científico e aumentar sua visibilidade e, para tal, ele atua em duas frentes: Ciência e Divulgação Científica. No âmbito da Ciência, o Serrapilheira identifica e apoia pesquisas de excelência de jovens cientistas, e promove treinamentos e eventos de integração. Quanto à Divulgação Científica, o instituto mapeia e apoia projetos das diferentes áreas, além de sugerir estratégias e propor espaços de formação e colaboração entre os divulgadores brasileiros. Desde sua criação, o Serrapilheira já apoiou 98 projetos de pesquisa e 34 projetos de divulgação científica.

Reprodução IMPA